Contos Waldryano

Visceral

Hoje como em todos os dias
Sou o Wal coisa e tal

Visceral
Quero rasgar meus sentimentos
Gritar meu desejo
Não és fenomenal
Não
Somente quero te dizer
O que sinto
É simples e visceral

Te amo
E preciso gritar
De modo a ser ouvido

Isto está me matando por dentro
Tortura os meus pensamentos
És meu
Preciso ter você

De modo visceral
Sem legendas e tarjas
Meu desejo
Preciso de você está noite

És meu grito
Meu desespero

Um dia qualquer
Acordei sim sou o Wal
Preciso de você

E ser mais visceral

Recentes aqui no Blog

Pesquisar este blog