Contos Waldryano

Contos Lucas

Bird Box Netflix e o monstro assustador


Olá;

Eu, como muitos por aí, estou nesta de espreguiçar no sofá e ficar a ver as recomendações da Netflix e Bora ver.

E fui eu assistir a um filme original Netflix o tal do Bird Box (Caixa de passarinho)
Confesso que brilhou meus olhinhos em visualizar a Sandra Bullock por lá.
Simpatizo com ela dês do Miss Simpatia, ou do Gravidade.
Boa atriz pra mim ela retrata bem uma americana e é agradável a sua atuação, sempre. Ou seja, parece me que qualquer filme dela por mais que seja tosco pra crítica do bla-bla-bla pra mim é um ótimo entretenimento.
E eu queria me jogar no sofá e não ficar pensando em termos técnicos coisa e tal, queria ver uma história e só. E fui me aventurar.

Um filme pós apocalíptico, algo alucinógeno esta assolando o mundo.
Todos que veem sem venda nos olhos são movidos por um surto suicida.

E poucos conseguem se safar (lembra bem os Power Ranger que tudo acontecia na Alameda dos Anjos?) Ou o Jaspion que tudo acontece em Tóquio. O filme pra mim passou uma perspectiva bem digamos regional.

E vai a nossa heroína grávida tentar se salvar do surto. Entra numa casa onde todos os Power Ranger estão. Exemplo: O Japonês, o Negro, o Velho, a gorda, e o casalzinho testosterona (tipo todos os que vão assistir precisam se sentir representados tá? E estão todos sem saber o que fazer.

E começam a deduzir que é olhar que faz acontecer o surto, logo, por isto vendam os olhos e cobrem as cortinas (by os Outros da mulher que não podia deixar os filhos ver luz).
Já esta sacada do desconhecido, me deixou interessado.

Claro que todos os personagens iriam morrer um por um até Restar somente a Sandra não é?

E Claro que adentrariam dentro de um supermercado abandonado pra fazer uma comprinha sem pagar.

Tipo o caos;
Uma boa ideia;
Um filme rápido.

Ela vai e ganha o filho em meio ao caos, o clichezão fez outra ganhar o filho junto dela. Dois personagens deram a luz enquanto os outros eram assassinados por um maluco.

Muito clichê, coisa que deu certo ali usa aqui.

Mas é isto leitor, é pra espreguiçar no sofá e assistir sem pensar muito.

Eu ficava pensando ao assistir o filme...

Numa situação assim, acho que haveria pessoas ferindo os olhos para ficar cego.
E também morando em subterrâneos;

Não entendi animais sofreram com este caos?
Fiquei na dúvida de várias coisas, e também com o final que fez retomada ao nome Bird Box.

Mas recomendo, bom filme pra assistir....

Spoiler é o final não explica nada. Só nos últimos 5 minutos que há a explicação de como se salvar do caos.

Pra mim foi uma boa ideia, porem um roteiro preguiçoso, bem entreter mesmo.


Ah, usar criancinha é apelação Netflix...

Fui assistir as diversas explicações a respeito do Filme.
Primeiramente o filme é adaptação de um livro. Logo no livro por ser uma narrativa é bastante sensorial, ou seja, sensações dos personagens, e pensamentos é o ponto alto nele.
Outra coisa é a mensagem que o livro ( e o filme) retratam.
Por exemplo: A protagonista Malory era bastante reservada, até mesmo compras do supermercado era a sua irmã que fazia para ela. Há cenas do isolamento das pessoas, antes do caos.
Outro exemplo: É o conectado que faz as pessoas isolarem se sem saber.

Mas o Monstro ou o vento com folhas que dilatam a pupila. Este era o meu objeto investigativo que me fez escrever este post.

Na internet no youtube e na minha concepção, fala de um ser superior, ou extraterrestre, ou uma divindade, que possui um conhecimento que vai além do infinito, e para isto o cérebro humano não é apto de discernir. Logo o Caos. Seria uma resposta.

Mas o filme é uma interpretação pessoal. Poderia ser uma arma química? Mas se assim o fosse, se arrastraria pelo ar. Achei meio estranho um pequeno isolamento de uma toalha transpassada ou um comodo isolado para poupar a pessoa de passar pelo processo de caos, logo a confusão mental e a morte.

Preferindo pensar que o que esta acarretando a esta população seria algo palpável, volto para espirito, ou um ser de outro planeta.

Deste modo fico na dúvida, Como os animais suportariam a tal impacto.

Os pássaros conseguem a sobreviver ao ataque?

O resto do sistema como suportaria? Dentro da água peixes morreriam? Se quer uma coisa verossímil precisa ao menos citar.

A referencia ao monstro vê se nos desenhos do maluco.

Lembrando que pessoas com desordem mental não sofrem com o tal monstro, afinal a desordem delas as tornam imunes.

Nos desenhos parece me um conto de H. P Lovecraft

Seria uma inspiração ou referência?


Então voltando ao filme, ele foi bem intimista e regional, mostrou a perspectiva de uma personagem, e a sua jornada em meio a sobreviver.
No entanto, o filme pra mim demonstra sensações e sentimentos humanos, e como a nossa mente suporta a pressão. Acho que esta seria a verdadeira mensagem do filme. O desconhecido é algo que nos trás medo. 
A morte? 
Vida em outros planetas? 
Espíritos? 
E saber que tudo isto esta logo ali, no entanto você de maneira nenhuma pode ver ou interagir? Seria algo bem mais proveitoso numa narrativa, pois expor em imagens seria algo bastante complicado.

Quando leio ou li os contos deste autor que citei, me remetem a estes sentimentos, logo o filme possui esta pegada, o monstro (segundo vi pelos videos do youtube) até foi cogitado aparecer. No entanto, sabiamente tiraram, pois ao meu entendimento este monstro se faz na subconsciência de cada um.

Referências:







Elenco
Sandra Bullock como Malorie Hayes
Trevante Rhodes como Tom
John Malkovich como Douglas
Sarah Paulson como Jessica Hayes
Jacki Weaver como Cheryl
Rosa Salazar como Lucy
Danielle Macdonald como Olympia
Lil Rel Howery como Charlie
Tom Hollander como Gary
Colson Baker como Felix
BD Wong como Greg
Pruitt Taylor Vince como Rick
Julian Edwards como "Garoto"/Tom, filho de Malorie
Vivien Lyra Blair como "Garota"/Olympia, filha de Olympia
Parminder Nagra como o Dr. Lapham
Amy Gumenick como Samantha
Rebecca Pidgeon como Lydia
Taylor Handley como Jason
David Dastmalchian como assaltante assobiando
Happy Anderson como o homem do rio

Bird Box é um filme thriller pós-apocalíptico americano de 2018, dirigido por Susanne Bier, escrito por Eric Heisserer e baseado no livro homônimo de 2014 de Josh Malerman. O enredo gira em torno de uma mulher (Sandra Bullock) que, junto com um par de crianças (apelidado de Garoto e Garota), que deve atravessar uma floresta e um rio vendados para evitar entidades sobrenaturais que pareçam os piores temores de suas vítimas, arrependimentos e perdas que os levam a morrer por suicídio. Trevante RhodesJacki Weaver, Salazar Rosa, Danielle Macdonald, Lil Rel Howery, Tom HollanderBD WongSarah Paulson, Colson Baker e John Malkovich também estrelam.
Bird Box teve sua estreia mundial no AFI Fest em 12 de novembro de 2018, e começou um lançamento limitado em 14 de dezembro, antes de ser transmitido mundialmente pela Netflix em 21 de dezembro.