Crítica | Love, Death & Robots:

Assisti a série Death and Robots  da Netflix e simplesmente amei.♥

Primeira temporada são 18 episódios. Bem parecido com o formato Black Mirror que é de episódios isolados, porém aqui são Animações e um live action, distribuídos em formato anime, 3d e 2d.(diversos estilos)

Há episódios que o nível de realismo impressionam.

Eu particularmente não conheço todos os gêneros apresentados, mas pude observar 3 episódios de Space Opera e um episódio de Steam Punk e um que pareceu-me live action onde atores reais contracenavam com uma animação realística dentro de um congelador!


No episódio Steam punk há uma realidade alternada onde o vapor e autômatos são grande característicos deste gênero.


O episódio narra uma personagem fantasiosa oriental que passa por uma transformação tornando-se um robô bem nos moldes autômato, alias o episódio explica bem este processo. Ou seja, o episódio em si ensina este gênero.


Outro episódio que me trouxe muita felicidade ao assistir contou a história space opera. Onde uma tribulação 'se perde' em uma viagem em 'dobra?' e acaba em local hostil.
O ser transforma as memórias do sobrevivente para ele sobreviver ali. Tipo realidade virtual alternada. O melhor episódio desta temporada ao meu ver.

A temática da série é adulto. Deste modo, não se surpreenda com nudez e muita violência, e propositalmente muita linguagem chula. Mas o forte mesmo é a diversidade de estilos e a qualidade visual da série, eu até mesmo nos episódios 'nada haver' suportei de bom agrado pois eram curtinhos. De 10 a 15 minutos.

Tipo um tiro certeiro ou um tiro fora da água. O que me importou foi a arte.
Vida longa a esta série!


Blog do Wal

lição EBD primário 1º Trimestre 2019 Lição 8 A Torre de Babel

Lição 8. As primeiras línguas - A Torre de Babel
Torre de Babel - O início das nações
Base Bíblica: Gênesis 11:1-9

Hora da História

Depois do dilúvio, as famílias cresceram e encheram a terra. Naquele tempo todos os povos falavam uma língua só, todos usavam as mesmas palavras.
Alguns partiram do Oriente e chegaram a uma planície em Sinar, onde ficaram morando.
Um dia disseram uns aos outros: — Vamos, pessoal!
Vamos fazer tijolos queimados! Assim, eles tinham tijolos para construir, em vez de pedras, e usavam piche, em vez de massa de pedreiro.
Aí disseram: — Agora vamos construir uma cidade que tenha uma torre que chegue até o céu. Assim ficaremos famosos e não seremos espalhados pelo mundo inteiro.
Então o SENHOR desceu para ver a cidade e a torre que aquela gente estava construindo.
O SENHOR disse assim: — Essa gente é um povo só, e todos falam uma só língua. Isso que eles estão fazendo é apenas o começo. Logo serão capazes de fazer o que quiserem.
Vamos descer e atrapalhar a língua que eles falam, afim de que um não entenda o que o outro está dizendo.
Assim, o SENHOR os espalhou pelo mundo inteiro, e eles pararam de construir a torre. A torre recebeu o nome de Babel, pois ali o SENHOR atrapalhou a língua falada por todos os moradores da terra e dali os espalhou pelo mundo inteiro.

1. Por quê aquele povo quis construir a torre de Babel?

2. O que aconteceu com aquele povo, após construir a
torre de Babel?




Feedback


Blog do Wal

Star Trek Discovery - Segunda Temporada - Episódio 06 - O Som do Trovão - Review

Como na semana passada, " Star Trek: Discovery " continua com sua campanha para fechar as tramas abertas nos episódios anteriores desta segunda temporada. O sexto capítulo serviu de epílogo à história de Saru e sua reivindicação de sua raça, além de dar um novo impulso ao arco da trama principal.
Tudo começa quando o Discovery detecta um novo sinal ligado ao "Anjo Vermelho". O detalhe que prova que eles não aparecem aleatoriamente espalhados pela galáxia é que ela foi colocada em órbita com Kaminar . Isso não é nada mais e nada menos que o planeta da origem de Saru que ele deixou anos atrás.
A recente descoberta sobre o destino de Saru, vimos em um episódio anterior, já tinha levantado a possibilidade dele voltar ao seu povo, raça kelpien , para fazê-los entender que eles estavam vivendo uma mentira, uma espécie de mito. Saru chegou a conclusão que foi transmitido de geração em geração para justificar as vítimas dos Ba'ul , uma raça predatória que também habita Kaminar.
As pequenas praias de Kaminar 
Saru não havia colocado em prática este pensamento  até agora por dois motivos. 
  •  Em primeiro lugar, porque ele teve que seguir a missão que lhe foi designada como oficial da Frota Estelar: Encontrar Spock para solucionar este: Anjo; que aparece em toda parte. 
  • outra razão tem a ver com respeito à "Diretiva Primária" , que nesta série é referida como "Ordem Geral Um". Diz que a Frota Estelar não pode interferir de forma alguma na evolução de uma raça "primitiva" (que pelo menos não desenvolveu a jornada pelo espaço). E os kelpien se enquadram nessa categoria.
No entanto, o sinal que surge em Kaminar dá Saru a opção perfeita para voltar para casa e mudar a  opressão ao seu povo.

Isso o faz confrontar pela primeira vez, com o capitão Pike . O líder do Discovery entende que Saru não está em condições emocionais  para enfrentar tal missão. E o proíbe de participar da tal missão. Intervem então, Michael Burnham, que convence o capitão para o amigo participar daquela missão.
Já na superfície do planeta, Michael e Saru encontram Siranna (Hannah Spear), a irmã do kelpien. Longe de ser um encontro emocional, Siranna acaba recriminando seu irmão por deixá-la (e o resto de seu pessoal) para fazer uma viagem através das estrelas.
Kelpiens procurando por kelpiens

 Saru,  decide voltar a Discovery e deixar Kaminar para continuar com a missão porém são detectados pelos ba'ul, que os transportam como prisioneiros para uma de suas instalações. Lá dentro descobre Siranna também é prisioneira da raça predadora ba'ul.
Michael, agora na Discovery, tenta com a ajuda da tripulação resgatar Saru e Siranna. Mas isso não só não tem efeito, pois os Ba'ul ativam seu sistema de armas e ameaçam destruir vários pontos de Kaminar.
Durante o cativeiro de Saru, aprendemos que a raça nem sempre era oprimida e uma vítima dos Ba'ul, mas que, séculos atrás, havia sido o contrário . 
Para evitar a morte em série , finalmente aparece o Anjo Vermelho e acaba desativando o armamento da raça predatória de Kaminar.
O Ba'ul, um ser frágil?


Agora a raça kelpien, descobre toda a verdade sobre  "o grande equilíbrio "  a raça ba'ul não mais age do modo hostil para com os kelpien após este evento.
O episódio termina com Saru deixando seu planeta novamente, embora com a intenção de retornar em breve. Michael entende que toda essa situação em Kaminar não foi uma coincidência e que o Anjo está lhe dizendo algo, com o qual ela descobre qual é a sua maneira de encontrar respostas. Você deve retornar para sua casa: Vulcano .
Saru tramando sua fuga

"Sound of Thunder" foi um episódio bem desenvolvimento , com alguns toques clássicos da narrativa de Star Trek, . No entanto, permanece um pouco sem um bom climax na parte final.
Todo esse caso de opressão racial é realmente interessante. Mas, infelizmente, assim como o episódio anterior pecou em explicar muitas coisas, neste caso fez o oposto. Para manter um ritmo na narrativa, decidiu-se simplificar os temas que mereciam alguns minutos de análise.
O que será este ser misterioso? 

Outra coisa que não fez bem o episódio foi se livrar de parcelas secundárias. No meio do capítulo, vemos o renascido Dr. Hugh Culver (Wilson Cruz) sendo examinado em enfermagem para detectar se ele tem algum tipo de anomalia. Isso seria lógico, especialmente se considerarmos que ele voltou à vida recentemente, para ser trazido de volta ao nosso mundo a partir de uma rede micelial.
Antes do olhar atento e surpreso de seu parceiro , Paul Stamets , o médico responsável pelo Discovery diz que o resultado do exame não demonstrou nenhuma anomalia. Mas esta análise não é consistente com o rosto do médico que diz "não se sente normal".
O subquadro secundário que o episódio não desenvolveu


Infelizmente, a vivencia do Doutor  está lá, e parece ser uma continuidade dentro do episódio. É compreensível que eles o façam porque a ressurreição de Culver foi um elemento fundamental do capítulo anterior, mas resumi-lo em apenas alguns minutos neste episódio não foi adequado.
O mesmo pode ser dito para uma pequena conversa que Pike e Ash Tyler (Shazad Latif) têm no final do episódio. Captain Tyler ele sobre um relatório sobre o que aconteceu em Kaminar para colocar em xeque a Seção 31. Nessa conversa estávamos com a ideia de que o Anjo, de acordo com a análise da Frota Estelar poderia ser um viajante do tempo. 
Essa cena também passa quase despercebida


Se há uma coisa que já podemos elogiar desta segunda temporada de "Star Trek: Discovery" é a sua coragem de querer lidar com diversos temas, embora ancorados em uma trama principal, semana a semana. Até agora, exceto ao episódio anterior (que ao meu ver destoou desta continuidade), sempre correu bem. "Sound of Thunder", apesar de suas deficiências, é outro capítulo sólido, no qual Doug Jones se apresentou como Saru, mostrando-nos uma boa complexidade no seu personagem.
Na próxima semana, o momento mais esperado de " Star Trek Discovery chega até agora: o retorno de Spock . Metade da temporada? E a julgar pela forma como a série está administrando a tensão com este enredo principal, só podemos nos deliciar com o que está por vir.
Análise do Blogueiro: Isto acima é uma tradução, eu assisti o episódio e achei interessante, (meio bizarro Saru lançar aquelas lanças, mas esta valendo. O anjo? Cada vez mais interessante (seria um ser de outra dimensão?). Curioso e aceitando de bom grado os assuntos mal explicados.

Blog do Wal

Barraco Global

Esta semana o que se fala é sobre a separação de José Loreto e Débora Nascimento.


O Barraco se instaurou na Globo.

Marina Ruy Barbosa contracena na novela com ele.

E ela esta sendo apontada como o pivô da separação. Detalhe: -Ela é casada!

Muitas coisas estão se falando.

Mas fato é fato.

Marina Ruy Barbosa, foi deixada de lado por umas 10 atrizes famosas (que se diziam amigas) inclusive a moça traída Débora Nascimento. No instagram. Onde os famosos socializam!

Barraco.

José Loreto msn do instagram:
“Errei sim, manchei o teu nome.”Débora, você tem todas as razões para estar magoada comigo. Te dei motivos, indícios, diria que até provas, que eu mesmo, se estivesse no seu lugar, diria que são inquestionáveis. Mas a vida real às vezes surpreende até as “vidas de novela”. A realidade é cruel, tem conseqüências e verdades que não agradam à audiência. Na realidade do meu momento, preciso te dizer que não fui legal com você, cruzei fronteiras emocionais que hoje me arrependo profundamente. Não quero dar nomes, não posso fazê-lo. E também acredito que o reconhecimento de nossas falhas é um processo individual e intransferível. Sem contar que, apesar das evidências, eu te juro que nada aconteceu. Sei que é difícil de acreditar, mas nem sempre a verdade é translúcida. Peço perdão a você e à nossa filha, antes de quaisquer outras pessoas, pois vocês foram as verdadeiras vítimas da minha hesitação. Peço desculpas a todas as pessoas que, de alguma maneira, foram envolvidas neste espetáculo público que eu causei. Peço desculpas ao público que sempre me prestigiou por desapontá-lo. Peço desculpas a todas as mulheres que se sentiram ofendidas por essa situação. Peço a todos que, neste momento, me dêem a oportunidade de reencontrar o silêncio necessário para que a gente possa voltar a se ouvir. Peço ao universo que me ajude a te reconquistar, meu amor.


“Errei sim, manchei o teu nome.” Débora, você tem todas as razões para estar magoada comigo. Te dei motivos, indícios, diria que até provas, que eu mesmo, se estivesse no seu lugar, diria que são inquestionáveis. Mas a vida real às vezes surpreende até as “vidas de novela”. A realidade é cruel, tem conseqüências e verdades que não agradam à audiência. Na realidade do meu momento, preciso te dizer que não fui legal com você, cruzei fronteiras emocionais que hoje me arrependo profundamente. Não quero dar nomes, não posso fazê-lo. E também acredito que o reconhecimento de nossas falhas é um processo individual e intransferível. Sem contar que, apesar das evidências, eu te juro que nada aconteceu. Sei que é difícil de acreditar, mas nem sempre a verdade é translúcida. Peço perdão a você e à nossa filha, antes de quaisquer outras pessoas, pois vocês foram as verdadeiras vítimas da minha hesitação. Peço desculpas a todas as pessoas que, de alguma maneira, foram envolvidas neste espetáculo público que eu causei. Peço desculpas ao público que sempre me prestigiou por desapontá-lo. Peço desculpas a todas as mulheres que se sentiram ofendidas por essa situação. Peço a todos que, neste momento, me dêem a oportunidade de reencontrar o silêncio necessário para que a gente possa voltar a se ouvir. Peço ao universo que me ajude a te reconquistar, meu amor.
Uma publicação compartilhada por José Loreto (@joseloreto) em
Blog do Wal

Anne-Marie & James Arthur - Rewrite The Stars

You know I want you
It's not a secret I try to hide
I know you want me
So don't keep saying our hands are tied
You claim it's not in the cards
Fate is pulling you miles away
And out of reach from me
But you're here in my heart
So who can stop me if I decide
That you're my destiny?
What if we rewrite the stars?
Say you were made to be mine
Nothing could keep us apart
You'd be the one I was meant to find
It's up to you, and it's up to me
No one can say what we get to be
So why don't we rewrite the stars?
Maybe the world could be ours
Tonight
You think it's easy
You think I don't want to run to you
But there are mountains
And there are doors that we can't walk through
I know you're wondering why
Because we're able to be
Just you and me
Within these walls
But when we go outside
You're going to wake up and see that it was hopeless after all
No one can rewrite the stars
How can you say you'll be mine?
Everything keeps us apart
And I'm not the one you were meant to find
It's not up to you
It's not up to me
When everyone tells us what we can be
How can we rewrite the stars?
Say that the world can be ours
Tonight
All I want is to fly with you
All I want is to fall with you
So just give me all of you
It feels impossible (it's not impossible)
Is it impossible?
Say that it's possible
How do we rewrite the stars?
Say you were made to be mine?
Nothing can keep us apart
'Cause you are the one I was meant to find
It's up to you
And it's up to me
No one can say what we get to be
And why don't we rewrite the stars?
Changing the world to be ours
You know I want you
It's not a secret I try to hide
But I can't have you
We're bound to break and my hands are tied

Compositores: Benj Pasek / Justin Paul
Letra de Rewrite the Stars © Sony/ATV Music Publishing LLC, Kobalt Music Publishing Ltd., Fox Music, Inc

Blog do Wal

lição EBD primário 1º Trimestre 2019 Lição 7 A primeira Chuva

 A primeira chuva! ( A arca de Noé)


Deus deu a Noé uma tarefa muito difícil, mesmo assim ele obedeceu. Por isso, toda a sua família e os animais foram salvos. Nós também temos que obedecer a Deus em qualquer situação e mostrar-Lhe o quando nós O amamos. Mas, como saber o que Deus quer que façamos? Lendo a Sua Palavra, a Bíblia (professor, mostre sua Bíblia). A Palavra de Deus ensina que devemos obedecer ao papai e a mamãe; que não devemos brigar com ninguém, etc.


 Ler: Gênesis 6 a 9

Versículo para DECORAR: "Todo ser que respira louve ao Senhor". (Sl 150:6)

APLICAÇÃO: Mostrar a importância da obediência a Deus.

Introdução
Quantas pessoas fazem parte da sua família? Seu pai, seu mãe, e quantos irmãos? Você gosta de ficar com sua família? O que você mais gosta de fazer com a sua família? Ir à igreja? Ir a um parque? Ir à casa da vovó?

A Bíblia conta a história de uma família especial: a família de Noé. Essa família era composta de Noé, sua mulher e sues três filhos. Seus nomes são muito estranhos. Vocês já sabem? Sem, Cam e Jafé.
Deus gostava das coisas que Noé fazia. Noé era obediente, mas Deus estava triste com as outras pessoas, porque viviam brigando, mentindo, e sabem o que mais? Roubando umas às outras.
Então, Deus resolveu fazer alguma coisa.

Desenvolvimento

Contar a história Gênesis 6 a 9.

Conclusão

Que maravilha, depois de tanto tempo dentro da arca, puderam sair, ver a terra novamente deve ter sido muito bom.
Acredito que toda a família de Noé ficou muito feliz, e os bichos, também.
(Fonte: Editora Cristã Evangélica).



lição EBD primário 1º Trimestre 2019 adaptado.

lição EBD primário 1º Trimestre 2019 Lição 6 A primeira Briga

Lição 6
A primeira Briga

Memória em ação: 

Felizes as pessoas que tem o coração puro, pois elas verão a Deus.  
Mateus 5 Versículo 8 


Uma pessoa quando peca sente: Culpa, vergonha, decepção e medo.

No entanto Jesus veio para nos libertar do pecado. Cristo morreu e nos livrou dos males do pecado. Quando aceitamos a Jesus e pedimos perdão dos nossos pecados.

A única forma de se livrar do pecado é passar por uma pena de morte. Alguém tem que morrer para se livrar do pecado.

Quando Jesus Cristo foi crucificado ele reivindicou sobre si os nossos pecados. E você hoje é livre pois Jesus pagou o preço, para você se ver livre do pecado.

Um prisioneiro somente fica preso se alguém o mantem em uma cela.

A cela da prisão (que é o pecado) foi aberta por Jesus Cristo.

Então nós crianças estamos livres da cela do pecado. Graças a Jesus Cristo!

Nós crianças precisamos ter um coração limpo e puro livre do Pecado, pois Jesus Cristo mora no nosso coração.

Vamos fazer uma oração?

Senhor Jesus Cristo, te agradecemos por ter nos livrado do pecado. Ajuda-nos a ter um coração puro e limpo.
Continuando a nossa lição lembramos da aula passada.

Adão e Eva pecaram comendo o fruto proibido da árvore do conhecimento, sendo assim expulsos do Paraíso.

Adão e Eva agora precisavam trabalhar para o seu sustento. Eva teve filhos dois filhos.

- Quais eram mesmo os nomes dos filhos de Adão e Eva?

Caim e Abel.

Caim gostava de cuidar da Terra, semeava regava as plantas e colhia os frutos das arvores sendo Caim o primeiro Lavrador (agricultor).

Já o seu irmão Abel, gostava de cuidar dos animais, e começou a pastorear ovelhas, cuidando do rebanho de ovelhas, das ovelhas conseguia a lã, para as roupas antigas, e também a carne. Adão foi o primeiro Pastor de ovelhas.

Certo dia:

Caim recolheu várias frutas e fez uma oferta a Deus.

Abel também fez, com as primeiras crias do Rebanho ofereceu a Deus.

Deus aceitou a oferta de Abel. 



Quando ofertamos a Deus precisamos oferecer com alegria, sem tristeza no coração e nem pensar que irá ficar sem a oferta, pois é para Deus e Deus conhece os nossos corações.

Talvez o coração de Caim não estivesse limpo e ele não tivesse amado e obedecido a Deus como deveria.

Como Caim ficou depois disto?

Ficou furioso e começou a sentir inveja do seu irmão.

Ao ver isto Deus falou com Caim: - Por que você esta irado? E por que você mudou?

O pecado começou a morar no coração de Caim ele sentia inveja e raiva.

A inveja e a raiva era tanta que Caim fez uma loucura.

Quando sentimos sentimentos ruins precisamos pedir perdão a Deus e aos que nos fizeram mal, para não deixar o pecado tomar conta do nosso coração.

Com o coração cheio de pecado. Caim atacou Abel e o matou.

Deus olhando isto, perguntou a Caim.

-Onde esta o seu irmão Abel.

Quando mentimos, precisamos esconder os nossos erros e assim fez Caim ao responder a Deus. 


-Não sei. 

Deus continuou a perguntar. O que você fez com ele?

Caim o que você fez foi algo terrível. 


A raiva o ciúme e a inveja tomaram conta de todo o seu coração.

- E você como fica quando um amigo ou irmão ganha um presente ou um elogio e você não?

- Será que o seu coração fica cheio de raiva e inveja?

Sentimentos como inveja e raiva não agradam ao Senhor.

Sentir inveja e raiva é pecado.

Quem deixa a inveja e a raiva tomar conta do coração fica emburrado e não consegue ser feliz.

Ore a Deus pedindo para ele limpe o seu coração.

Deus ficou muito triste com que Caim fez e o expulsou do local onde vivia. As pessoas poderiam ficar revoltadas com Caim e querer o mata-lo.

Mas Deus colocou uma marca em Caim e se tornou um andarilho.

Caim pagou um preço alto pelo seu pecado. Todos os dias da sua vida teve que lembrar que fez mal ao seu irmão.

1- Por que Deus não recebeu a oferta de Caim?

Pois o seu coração estava cheio de Ódio, ciúme inveja e raiva.

2- O que Abel ofertou a Deus?
Desenhe um altar e a oferta de Abel. 

Abel ofertou uma cria nova do seu rebanho de ovelha e ofertou a Deus, com amor no coração, ofereceu o melhor a Deus.

3- Desenhe dois corações escrevendo os pecados e o no outro coração as coisas que agradam a Deus.

Link pdf 
lição EBD primário 1º Trimestre 2019 adaptado.

Star Trek: Discovery - Temporada 2 Episódio 2 Review

Bom dia, boa tarde e boa noite

Assisti a primeira temporada desta série na Netflix, Gostei, citou várias vertentes da ciência moderna, e no final teorias das cordas! Não sou muito das exatas, sou mais das humanas, mas gosto de tudo um pouquinho, e conhecer esta de universo paralelo é bastante interessante, daí pesquisando vi que nos star treks antigos já citavam isto.

Voltando, a Netflix esta lançando semanalmente a conta gotas os episódios da segunda temporada.
O primeiro episódio. Foi bastante Geek, e cheio de ganchos para a temporada, seja um meteoro que esta se desfragmentando, onde a cientista ruiva busca uma amostra para estudar.
Seria uma nova forma de energia para o propulsor de esporos e viajar mais rápido e para lugares longínquos do universo? Não... É só um gancho para o segundo episódio.
E no primeiro episódio surgiu uma silhueta de um anjo?


Então vamos para o segundo episódio.


Um conceito bem interessante. Um grupo da terra nos meados da 3º Guerra mundial, fogem para o Universo para um planeta onde poderia retomar a vida.
Vivem de modo rudimentar, parecendo bastante com seitas americanas do interior.
Vivem sem energia elétrica.
Alguém manda um sinal deste local rudimentar.
E este sinal trás os tripulantes até este local (após a viagem através das dobras de esporos voltar a funcionar).





Blog do Wal

Flávio Bolsonaro sendo perseguido pela Globo

Bom dia, Boa tarde, Boa noite

Jair Bolsonaro, o atual presidente começa a sofrer as duras perseguições dos seus adversários.

Dês de que ele se negou em ir ao debate da Globo no último debate (sabiamente penso eu que colocar os pés na Globo não agrega em nada para ele). E trocou em dar uma entrevista na Record no mesmo horário do debate. A Globo enfureceu de vez com o Capitão.

E surgiu como que do nada este Coaf que sim tem um motivo nobre, investigar servidores e parlamentares (que nada mais são do que funcionários do povo, logo, uma certa lógica em dar um confere nas contas pra ver se não existe nada irregular.

No pente fino direcionado desta instituição, surgiu depósitos, e o ex assessor do filho do Presidente Jair Bolsonaro. 

Para a felicidade da Globo, e dos direitas deste Brasil.

Um prato cheio para investigar e esmiuçar até os últimos detalhes.

E atualmente o Jornal Nacional, meio que esta fazendo um pente fino em tudo o que esta instituição Coaf esta atuando.

Até mesmo quem defendia o Senador eleito, agora esta com um pé atrás, em meio a tantas revelações.


A Globo, sabe comer pelas beiradas, e esta querendo acabar com a festa Bolsonaro.

Até certo ponto é certo, investigar, esmiuçar afim de encontrar irregularidades.

Mas não seria muita ingenuidade de um 'bandido' fazer falcatruas em lugares onde facilmente seria descoberto?

E isto de abrir a vida financeira para todos ver não seria uma grande invasão de privacidade? Qual seria o próximo passo liberar o Zap do Flávio para todos verem e ouvirem o que ele faz na surdina?

Eu acho um desrespeito expor qualquer pessoa num Jornal tal um circo. Como estão fazendo. Pior ainda sendo este exposto o Filho do Presidente da Republica.

Até onde a Globo é capaz de ir?



Pesquisa abaixo Wikipédia:


Caso Queiroz

Em dezembro de 2018, veio à tona um relatório do Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf) que apontou uma movimentação atípica no valor de R$ 1.236.838 em uma conta no nome de Fabrício José Carlos de Queiroz, policial militar e ex-assessor parlamentar de Flávio Bolsonaro, entre os dias 1º de janeiro de 2016 e 31 de janeiro de 2017. Fabrício Queiroz, que era motorista e segurança de Flávio, havia sido exonerado do gabinete do então deputado estadual no dia 15 de outubro de 2018. De acordo com o banco responsável pela conta, as movimentações financeiras de Queiroz seriam incompatíveis com o patrimônio, a atividade econômica ou ocupação profissional e a capacidade financeira do ex-assessor parlamentar.[
O relatório, que foi anexado pelo Ministério Público Federal (MPF) à investigação que deu origem à Operação Furna da Onça, também cita transações bancárias no total de R$ 324.774 em papel-moeda e de R$ 41.930 em cheques compensados na conta de Queiroz. Uma das transações citadas no relatório do Coaf é referente a um cheque de R$ 24 mil destinado a Michelle Bolsonaro, atual esposa do presidente Jair Bolsonaro. Fabrício Queiroz recebia, de acordo com a folha de pagamento da Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj) de setembro de 2018, um salário de R$ 8.517 devido ao exercício de cargo em comissão de Assessor Parlamentar III no gabinete de Flávio Bolsonaro, valor este somado aos rendimentos mensais de R$ 12,6 mil da Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro (PMERJ).
O documento também apontou que Fabrício Queiroz recebeu depósitos em espécie e por meio de transferências de oito funcionários que já foram ou estão lotados no gabinete de Flávio Bolsonaro no período entre janeiro de 2016 e janeiro de 2017. Entre estes funcionários, destacam-se: Nathalia Melo de Queiroz, filha de Fabrício Queiroz, que transferiu um total de R$ 86.429,35 (R$ 84.110,04 por meio de depósito e R$ 2.319,31 via transferência) para a conta do pai; e Marcia Oliveira de Aguiar, esposa de Queiroz, que fez repasses em dinheiro no valor de R$ 18.864,00 ao marido. Tais movimentações levantaram a suspeita da existência de uma prática conhecida como "rachid", tanto no gabinete de Flávio quanto no de outros políticos, onde parlamentares ficam com parte dos salários de seus funcionários.
O relatório do Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf), que possui 422 páginas, reúne informações a respeito de operações bancárias de 75 funcionários e ex-servidores da Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj), incluindo Fabrício Queiroz, citadas em comunicados sobre transações financeiras suspeitas. As operações suspeitas, que envolvem pessoas que trabalham ou trabalharam em 20 gabinetes de deputados estaduais do Rio de Janeiro de diferentes matizes ideológicas, totalizam mais de R$ 207 milhões.
Em entrevista dada ao SBT Brasil no dia 26 de dezembro de 2018, Fabrício Queiroz declarou que conseguia dinheiro por meio da compra e da revenda de carros, que iria dar explicações ao Ministério Público Federal a respeito dos depósitos de funcionários do gabinete de Flávio Bolsonaro em sua conta bancária e que Flávio nada tem a ver com as movimentações bancárias apontadas pelo relatório. Já a chefia de gabinete de Flávio Bolsonaro afirmou que Queiroz trabalhou por mais de dez anos como segurança e motorista do deputado estadual, que o parlamentar não possui conhecimento de qualquer fato que desabone a conduta do ex-assessor parlamentar e que Fabrício Queiroz foi exonerado do gabinete em outubro de 2018 para que pudesse resolver questões relacionadas à passagem para a reserva remunerada como subtenente da Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro (PMERJ).Em nota, o Ministério Público Federal confirmou que incluiu o relatório do Coaf nas investigações feitas pela instituição mas esclareceu que nem todos os nomes citados no documento foram incluídos nas apurações pois nem todas as movimentações atípicas seriam, necessariamente, ilícitas.
Em 17 de janeiro de 2019, Flávio Bolsonaro, utilizado de sua futura prerrogativa do Foro privilégiado, pediu ao STF que as investigações contra seu ex-assessor, Fabrício Queiroz, fossem paralisadas, pedido que foi aceito pelo ministro Luís Fux, utilizado como argumentos que, supostamente, a atual investigação existiria "nulidades" e que ele, por ser um senador eleito, possuiria, logo, o direito do Foro privilégiado.
No dia de 18 de janeiro de 2019, o Jornal Nacional da Rede Globo divulgou que eles receberam, com exclusividade do Coaf, partes de um relatório das investigações envolvendo o caso Queiroz, parte a qual constato que entre os meses de junho e julho de 2017 houve uma grande movimentação de depósitos suspeitos na conta bancária de Flávio Bolsonaro. No total houve 48 depósitos nestes meses e a quantia das somas destes depósitos é de aproximadamente 96 mil reais. Chamou atenção do Coaf que todos estes depósitos são de R$2.000 reais cada, tendo alguns uma certa cronometragem para entrada destes depósitos e entre outras constatações as quais o Coaf considera atípicas.

Blog do Wal